top of page
Buscar

Na briga pelo TCR Brasil, Rafael Suzuki fecha primeiro dia da etapa decisiva de Cascavel na P2

Piloto do #8 da PMO Motorsport elogia acerto do carro no shakedown



Na disputa pelo título do TCR Brasil, Rafael Suzuki começou muito bem a etapa decisiva do campeonato, no desafiador Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel, no oeste do estado do Paraná, a 491 quilômetros da capital Curitiba. O piloto do Lynk & Co #8 da PMO Motorsport fechou o shakedown na segunda posição com o tempo de 1:06.003, a apenas 56 milésimos de Galid Osman, o melhor do dia.

Rafael Suzuki é um dos nove pilotos com chances matemáticas de alcançar o título da primeira temporada da versão brasileira do campeonato, que tem sua última etapa disputada em conjunto com o TCR South America. É o segundo fim de semana seguido que o paulista compete em Cascavel. No último domingo, pela Stock Car, o piloto conquistou o sétimo lugar na corrida 1, mesmo enfrentando problemas na direção hidráulica do carro, se mantendo no top 5 da temporada 2023 e na disputa pelo título.

Em sua primeira experiência nos carros de tração dianteira do TCR South America e TCR Brasil em Cascavel, Suzuki elogiou a experiência na pista paranaense, principalmente o contorno da curva mais famosa do traçado, o Bacião. Segundo ele, o Lynk & Co #8 da PMO Motorsport já desceu do caminhão com um bom acerto para o circuito, o que deve poupar tempo de trabalho nos dois treinos livres de sábado.

Em Cascavel, os dois treinos livres de 30 minutos cada serão disputados neste sábado, com a classificação no fim da tarde. E no domingo, o formato tradicional, com as duas provas: a primeira delas terá 25 minutos + 1 volta e a segunda, 30 minutos + 1 volta. Tudo terá transmissão ao vivo pela ESPN 4 e pelo serviço de streaming Star+.


Rafael Suzuki

"Claro que 20 minutos é muito pouco para dizer qualquer coisa, mas eu gostei muito. Achei muito divertido fazer o Bacião com o TCR, o carro tem muito grip e deixa ainda mais legal uma das principais curvas do nosso país. A sensação é bem diferente do que com os carros de tração traseira. O carro está muito legal, ele já desceu do caminhão com um acerto próximo do ideal e isso ajuda muito. Fizemos alguns ajustes, então foram 20 minutos produtivos. Me diverti muito com esse carro em uma pista de alta e 'raiz' como é o autódromo de Cascavel. Foi um dia de boa performance e muito divertido."


Cronograma – TCR South America Banco BRB e TCR Brasil Banco BRB – Cascavel-PR

Sábado, 2 de dezembro: 10:00 a 10:30 – Treino 1 12:30 a 13:00 – Treino 2 16:35 a 16:55 – Classificação 1 17:05 a 17:15 - Classificação 2 (12 melhores)

Domingo, 3 de dezembro: 09:10 – Corrida 1 (25 minutos + 1 volta) 12:40 – Corrida 2 (30 minutos + 1 volta)


bottom of page