Buscar

Stock Car: De 23º para o pódio. Rafael Suzuki conquista 2º lugar em Santa Cruz do Sul


Em uma corrida de superação e largando do fim do grid, o piloto do carro #8, fez ótima estratégia junto à Full Time Sports, para garantir mais um pódio, o segundo na temporada 2021


Rafael Suzuki volta ao pódio da Stock Car em Santa Cruz do Sul, (RS), após conquistar 21 posições na pista de forma brilhante, e concluir em segundo lugar a corrida 2, realizada neste domingo (21) na pista gaúcha. O piloto da Full Time Sports largou praticamente do fim do grid, em 23º, posição que concluiu a corrida 1, para buscar volta a volta o segundo lugar no pódio da 11ª e penúltima etapa da temporada. O piloto fez um belo trabalho de estratégia com sua equipe e soube aproveitar todas as oportunidades para superar os adversários. A vitória na corrida 2 ficou com Ricardo Maurício e Rubens Barrichello completou o pódio, em terceiro. A corrida 1 foi vencida por Thiago Camilo, com Julio Campos e Allam Khodair, em segundo e terceiro respectivamente.


Essa é a segunda vez, em 2021, que o dono do carro #8 vai ao pódio. A primeira vez foi em agosto, em Curitiba, durante a sétima etapa, quando Rafael Suzuki conquistou a vitória na corrida 1, e onde também fez a pole position. O dono do Toyota Corolla #8 é o único no grid a completar todas as 22 corridas realizadas até aqui, e marcou pontos em 16 destas provas, com uma vitória e um segundo lugar. Suzuki comemorou e ressaltou o trabalho de sua equipe.


“Que alegria. Hoje conquistei mais um pódio na Stock Car na corrida 2. Largando em 23º e chegar em segundo foi demais mesmo. E incrível foi a estratégia da equipe. Devo muito a eles todos que fizeram um pit stop perfeito, e super rápido e eu pude voltar ali na frente. Foram corridas em que precisamos administrar as temperaturas e o desgaste dos pneus. Mas, na base da estratégia e do trabalho em conjunto, conseguimos esse importante resultado. Estou muito feliz. É a reta final do ano e é sempre bom um resultado assim. Vamos animados para Interlagos”, comemorou Rafael Suzuki.


A próxima etapa da temporada acontece em Interlagos, no dia 12 de dezembro, quando será definido o campeão da temporada 2021. Gabriel Casagrande é o líder, com 336 pontos, seguido por Daniel Serra com 311. Thiago Camilo aparece em terceiro, somando 280. Para Rafael Suzuki será mais uma etapa visando a vitória e também uma oportunidade para somar o máximo de pontos possíveis, com a meta de finalizar o ano no Top-10. O piloto do carro #8 está em 14º na classificação geral, com 185 pontos.


As corridas

A 11ª etapa marcou o retorno da Stock Car à Santa Cruz do Sul. A cidade não recebia uma prova da categoria, desde julho de 2019. As disputas contaram também com a volta do público às arquibancadas. Rafael Suzuki foi um dos vencedores da votação do Fun Push, e ganhou um push adicional. As provas no circuito gaúcho foram marcadas pelo calor, fato que não é característico, e pelo asfalto abrasivo. Na corrida 1, Suzuki bem que tentou avançar, fez algumas ultrapassagens e chegou a ocupar a 18ª posição, porém recebeu a bandeirada em 23º. E o jeito foi apostar tudo na segunda corrida do dia.


Na corrida 2, a intervenção do Safety Car em duas oportunidades, mudou a estratégia de muita gente. Rafael Suzuki vinha com ritmo forte. Largou bem e completou a primeira volta em P19. No segundo giro, já havia superado outros dois adversários, e estava em 17º, quando o carro de segurança foi acionado pela primeira vez. Na saída do Safety car, outra conquista de posições. Era o 15º na nova entrada do carro de segurança. No oitavo giro, já com pista livre, Suzuki ocupava o 12º lugar. Na abertura da janela de pit stop, Rafael chegou a liderar a prova por algumas voltas. Foi o último a parar, fez um pit stop inteligente e muito rápido e voltou à pista em segundo lugar, atrás apenas de Ricardo Maurício. Posição que soube administrar até o fim para receber a bandeirada e garantir o pódio.


Resultado da 11ª etapa em Santa Cruz do Sul (resultados extraoficiais):


Corrida 2

1 Ricardo Mauricio (Eurofarma-RC/Cruze), 19 voltas em 31min44s557 2 Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Corolla) a 3.800 3 Rubens Barrichello (Full Time Sports/Corolla) a 9.420 4 Denis Navarro (Cavaleiro Sports/Cruze) a 10.684 5 Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Corolla) a 10.957 6 Gabriel Casagrande (AMattheis Vogel Motorsport/Cruze) a 11.904 7 Bruno Baptista (RCM Motorsport/Corolla) a 12.824 8 Allam Khodair (Blau Motorsport/Cruze) a 14.255 9 Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Corolla) a 14.531 10 Daniel Serra (Eurofarma-RC/Cruze) a 14.772 11 Átila Abreu (Shell V-Power/Cruze) a 17.432 12 Galid Osman (Shell V-Power/Cruze) a 17.745 13 Pedro Cardoso (KTF Racing/Cruze) a 18.661 14 Diego Nunes (Blau Motorsport/Cruze) a 18.828 15 Marcos Gomes (Cavaleiro Sports/Cruze) a 18.935 16 Gustavo Frigotto (RKL Competições/Cruze) a 32.824 17 Tony Kanaan (Full Time Bassani/Corolla) a 1 Volta 18 Lucas Foresti (KTF Sports/Cruze) a 1 Volta 19 Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Corolla) a 2 Voltas

Não completaram

20 Guga Lima (AMattheis Vogel Motorsport/Cruze) 21 Felipe Lapenna (Hot Car Competições/Cruze) 22 Gaetano di Mauro (KTF Racing/Cruze) 23 Guilherme Salas (KTF Sports/Cruze) 24 Felipe Massa (Lubrax Podium Stock Car Team/Cruze) 25 Beto Monteiro (Crown Racing/Cruze) 26 Cacá Bueno (Crown Racing/Cruze) 27 Julio Campos (Lubrax Podium Stock Car Team/Cruze) 28 Valdeno Brito (Hot Car Competições/Cruze) 29 Christian Hahn (Blau Motorsport II/Cruze) 30 Matias Rossi (Full Time Sports/Corolla) 31 Sergio Jimenez (Scuderia CJ/Corolla)


Corrida 1:

1 Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Corolla), 22 voltas em 32min27s397 2 Julio Campos (Lubrax Podium Stock Car Team/Cruze) a 0.457 3 Allam Khodair (Blau Motorsport/Cruze) a 2.380 4 Gabriel Casagrande (AMattheis Vogel Motorsport/Cruze) a 12.285 5 Daniel Serra (Eurofarma-RC/Cruze) a 17.019 6 Galid Osman (Shell V-Power/Cruze) a 19.637 7 Diego Nunes (Blau Motorsport/Cruze) a 20.549 8 Lucas Foresti (KTF Sports/Cruze) a 21.109 9 Rubens Barrichello (Full Time Sports/Corolla) a 23.828 10 Pedro Cardoso (KTF Racing/Cruze) a 27.861 11 Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Corolla) a 28.022 12 Valdeno Brito (Hot Car Competições/Cruze) a 49.405 13 Átila Abreu (Shell V-Power/Cruze) a 1:27.111 14 Denis Navarro (Cavaleiro Sports/Cruze) a 1:42.705 15 Cacá Bueno (Crown Racing/Cruze) a 1 Volta 16 Felipe Lapenna (Hot Car Competições/Cruze) a 1 Volta 17 Felipe Massa (Lubrax Podium Stock Car Team/Cruze) a 1 Volta 18 Christian Hahn (Blau Motorsport II/Cruze) a 1 Volta 19 Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Corolla) a 1 Volta 20 Marcos Gomes (Cavaleiro Sports/Cruze) a 1 Volta 21 Guilherme Salas (KTF Sports/Cruze) a 1 Volta 22 Matias Rossi (Full Time Sports/Corolla) a 1 Volta 23 Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Corolla) a 1 Volta 24 Beto Monteiro (Crown Racing/Cruze) a 1 Volta 25 Tony Kanaan (Full Time Bassani/Corolla) a 1 Volta 26 Gaetano di Mauro (KTF Racing/Cruze) a 4 Voltas 27 Gustavo Frigotto (RKL Competições/Cruze) a 7 Voltas

Não completaram

Ricardo Mauricio (Eurofarma-RC/Cruze) Sergio Jimenez (Scuderia CJ/Corolla) Guga Lima (AMattheis Vogel Motorsport/Cruze) Bruno Baptista (RCM Motorsport/Corolla)


Classificação do campeonato após 11 etapas – Top 15:

1º - Gabriel Casagrande, 336 2º - Daniel Serra, 311 3º - Thiago Camilo, 280 4º - Rubens Barrichello, 279 5º - Ricardo Zonta, 277 6º - Ricardo Maurício, 267 7º - Cesar Ramos, 245 8º - Allam Khodair, 239 9º - Átila Abreu, 232 10º - Diego Nunes, 215 11º - Bruno Baptista, 198 12º - Denis Navarro, 206 13º - Marcos Gomes, 186 14º - Rafael Suzuki, 185 15º - Guilherme Salas, 180


Assessoria de imprensa do piloto Rafael Suzuki:

Beatriz de Paula E-mail: beatrizkaroline@yahoo.com.br Telefone: (11) 98405-8485